quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Um pé de quê?

Aprendendo com Regina Casé

Uma das melhores pessoas na televisão brasileira ainda é Regina Casé. Simpática, dinâmica, divertida e educadora. Qualquer que seja o papel que ela represente, nos divertimos e aprendemos com ela.

Neste domingo assistimos ao programa “Um pé de quê?”, onde uma das plantas mostradas era uma que tinha várias combinações com a palavra Guiné. Por ser uma planta natural do Brasil que os portugueses levaram para a África e lá foi descoberta como sendo de “mil e uma utilidades”. Depois voltou para o Brasil e os escravos passaram a usá-la inclusive para “amansar” senhores de escravo que assediavam belas escravas.

Nesta semana, quando ia comprar pão na Vila Madalena, sempre que estacionava o carro, observava uma bela árvore do outro lado da Rua Wizard com flores bonitas e belos cachos de frutas parecendo pitombas em cores verdes. Uma das vezes desci do carro e fui tentar tirar umas fotos mesmo à distância, por que a árvore é alta e meu celular não tem teleobjetiva. Foto boa é sempre de perto.

Vejam parte da árvore com as belas flores e vários cachos de frutas que parecem pitombas verdes. O brilho do sol dificulta ver os frutos do lado esquerdo.


– Um pé de quê?

Não sei o nome da árvore e fiquei com muita vontade de tocar a campaínha e perguntar aos moradores que tipo de árvore é aquela. Não toquei por inibição e até agora não sei o nome. Se eu tivesse uma forma de perguntar a Regina Casé, eu iria saber.

Mas, no pé da árvore que eu não sei o nome, tem vários tipos de plantas e um dos tipos parece pés de Guiné. Aquele tipo que Regina Casé mostrava na televisão.

Vejam a planta que eu acho que é um pé de guiné...


E vejam como as flores da plantinha são bonitas.

Deveria existir uma forma rápida de saber os nomes das plantas na internet.

Já pensaram?


Por falar em flores, na Rua Madalena, que também fica na Vila Madalena, há várias casas cheias de rosas de várias cores.
O problema é que o trânsito lá é agitado e eu ainda não consegui tirar as fotos.

Provavelmente ficarão para 2012. O ano das rosas...

Um comentário:

  1. Ola gilmar essa arvore parece bastante a Michelia champaca... conhecida como Magnolia amarela, existem varias espalahdas por São Paulo.

    Att,

    Felipe Sinoble

    ResponderExcluir